Bem-vindo ao Gonzagão Online - O Maior Portal sobre a vida, a história e a obra de Luiz Gonzaga
Foto de Luiz Gonzaga
  Gonzagão, 25 anos de saudade!
Meu nome é Luiz Gonzaga, não sei se sou fraco ou forte, só sei que, graças a Deus, té pra nascer tive sorte, apois nasci em Pernambuco, o famoso Leão do Norte.
Nas terras do novo Exu, da fazenda Caiçara, em novecentos e doze, viu o mundo a minha cara.
No dia de Santa Luzia, por isso é que sou Luiz, no mês que Cristo nasceu, por isso é que sou feliz.
 
 

DISCOGRAFIA DE LUIZ GONZAGA
 
Compartilhe :
Gonzagão gravou 627 músicas em 266 discos.

Os discos assim se dividem:
78 RPM = 125
LPs de 12" = 79
LPs de 10" = 6
Compactos Simples e Duplos (33 e 45 RPM) = 41
LPs de coletâneas = 15

MUSICAS:
53 músicas de sua autoria
243 de sua autoria com parceiros
331 de outros autores/compositores.

Abaixo, musicografia completa, em ordem cronológica:

1941

Véspera de São João (Luiz Gonzaga e Francisco Reis);
Numa serenata (Luiz Gonzaga);
Saudade de São João del-Rei (Simão Jandi);
Vira e mexe (Luiz Gonzaga);
Nós queremos uma valsa (Nassara e Frasão);
Arrancando caruá (Luiz Gonzaga);
Farolito (Agustín Lara):
Segura a polca (Xavier Pinheiro).

1942

Saudades de Ouro Preto (Luiz Gonzaga);
Pé de serra (Luiz Gonzaga);
Saudade (Carlos Dias Carneiro);
Apitando na curva (Luiz Gonzaga);
Sanfonando chorinho (Luiz Gonzaga);
Verônica (Luiz Gonzaga);
Calangotango (Luiz Gonzaga);
Minha Guanabara (Francisco Reis);
Saudades de Areal (Mário Magalhães);
Pisa de mansinho (Luiz Gonzaga);
Seu Januário (Luiz Gonzaga);
Santana (Luiz Gonzaga);
Aquele chorinho - (Luiz Gonzaga);
Ligia (Luiz Gonzaga).

1943

Apanhei-te cavaquinho (Ernesto Nazaré);
Ivone (Xavier Pinheiro);
Manolita (Leo Daniderff);
O chamego da Guiomar (Luiz Gonzaga);
Araponga (Luiz Gonzaga);
Meu passado (Luiz Gonzaga e Waldemar Gomes);
Destino (Carneiro Filho e Vasco Gomes);
Galo garnizé (Luiz Gonzaga e Antonio Almeida).

1944

Subindo ao céu (Aristides M. Borges);
Fuga da África (Luiz Gonzaga);
Recordações de alguém (Bisoga);
Pingo namorando (Luiz Gonzaga);
Escorregando (Ernesto Nazaré);
Madrilena (Antônio Almeida e Luiz Gonzaga);
Luar do Nordeste (Luiz Gonzaga);
Bilu-bilu (Luiz Gonzaga);
Xodó (Luiz Gonzaga);
Caprichos do destino (Odete Duprat Fiúze);
Vanda (Luiz Gonzaga);
Catimbó (Carneiro Filho e Vasco Gomes);
Despedida (Luiz Bittencourt);
Passeando em Paris (Luiz Gonzaga);
Aperriado (Luiz Gonzaga);
Fazendo intriga (Luiz Gonzaga).

1945

Provocando as cordas (José Miranda Pinto);
Última inspiração (Peterpan);
Dança Mariquinha (Luiz Gonzaga e Miguel Lima);
Impertinente (Luiz Gonzaga);
Na hora h (Luiz Gonzaga);
Nara (Luiz Gonzaga);
Penerô xerém (Luiz Gonzaga e Miguel Lima);
Sanfona dourada (Luiz Gonzaga);
Bolo mimoso (Tito Ramos);
Dança do macaco (Luiz Gonzaga);
Queixumes (Noel Rosa e Henrique Brito);
Zinha (Carneiro Filho); Caxangá (Luiz Gonzaga);
Cortando pano (Luiz Gonzaga, Miguel Lima e Jeová Portela);
Festa napolitana (Inácio de Oliveira);
Ovo azul (Miguel Lima e Paraguaçu);
Perpétua (Luiz Gonzaga e Miguel Lima).

1946

Marieta (Luiz Gonzaga);
De Juazeiro a Pirapora (Luiz Gonzaga);
É pra rir ou não é? (Luiz Gonzaga e Carlos Barroso);
Devolve (Mário Lago);
Não quero saber (Mário Lago);
Ó de casa (Luiz Gonzaga e Mário Rossi);
Chamego das cabrochas (Miguel Lima e Luiz Gonzaga);
Não bate nele (Zé Fechado e Lourenço Pereira);
Calango da lacraia (Luiz Gonzaga e Jeová Portela);
Pão-duro (Assis Valente e Luiz Gonzaga);
Sabido (Luiz Gonzaga); Saudades de Matão (Jorge Galati);
Brejeiro (Ernesto Nazaré); Toca uma polquinha (Luiz Gonzaga);
Feijão cum côve (Jeová Portela e Luiz Gonzaga);
Eu vou cortando (Miguel Lima, Luiz Gonzaga e Jeová Portela);
Cai no frevo (Luiz Gonzaga);
No meu pé de serra (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira);
Pagode russo (Luiz Gonzaga).

1947

Vou pra roça (Luiz Gonzaga e Zé Ferreira);
Asa-branca (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira);
Balanço do calango (Luiz Gonzaga e Jeová Portela);
Coração de mulher (Zezinho);
Todo homem quer (Peterpan e José Batista);
Tenho onde morar (Luiz Gonzaga e Dário de Sousa);
Quer ir mais eu? (Luiz Gonzaga e Miguel Lima);
Pau-de-sebo (Dunga e Luiz Gonzaga).

1948

Moda da mula preta (Raul Torres);
Firim, firim, firim (Luiz Gonzaga e Alcebíades Nogueira).

1949

Lorota boa (Humberto Teixeira e Luiz Gonzaga);
Mangaratiba (Humberto Teixeira e Luiz Gonzaga);
Juazeiro (Lujz Gonzaga e Humberto Teixeira);
Baião (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira);
Siridó (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira);
Légua tirana (Humberto Teixeira e Luiz Gonzaga);
Vou mudar de couro (Humberto Teixeira e Luiz Gonzaga);
Gato angorá (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira);
Vem morena (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Quase maluco (Vitor Simon e Luiz Gonzaga);
Dezessete léguas e meia (Humberto Teixeira e Carlos Barroso);
Forró de Mané Vito (Luiz Gonzaga e Zé Dantas).

1950

Assum-preto (Humberto Teixeira e Luiz Gonzaga);
Cintura fina (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Chofer de praça - (Evaldo Rui e Fernando Lobo);
No Ceará não tem disso não (Guio de Morais);
Xanduzinha (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira);
A volta da asa-branca (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Macapá (Humberto Teixeira e Luiz Gonzaga);
Boiadeiro (Klécius Caldas e Armando Cavalcanti);
Adeus Rio de Janeiro (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Rei bantu (Luiz Gonzaga e Zé Dantas);
Estrada de Canindé (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira);
O torrado (Luiz Gonzaga e Zé Dantas);
Qui nem jiló (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira);
Paraíba (Humberto Teixeira e Luiz Gonzaga);
Respeita Januário (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira);
A dança da moda (Zé Dantas e Luiz Gonzaga).

1951

Mariá (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Amanhã eu vou (Beduíno e Luiz Gonzaga);
Olha pro céu (José Fernandes e Luiz Gonzaga);
Propria (Guio de Morais e Luiz Gonzaga);
Tô sobrando (Luiz Gonzaga e Hervê Clodovil);
Moreninha, moreninha (Hervê Clodovil e Luiz Gonzaga);
Madame Baião (Luiz Gonzaga e Davi Nasser);
Conversa de barbeiro (Davi Nasser e Luiz Gonzaga);
Sabiá (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Cigarro de paia (Klécius Caldas e Armando Cavalcanti);
Baião da Penha (Guio de Morais e Davi Nasser);
Baião na garoa (Luiz Gonzaga).

1952

São João do Carneirinho (Luiz Gonzaga e Guio de Morais);
Imba1ança (Luiz Gonzaga e Zé Dantas);
São João na roça (Luiz Gonzaga e Zé Dantas);
Juca (Lupicínio Rodrigues);
Catamilho na festa (Luiz Gonzaga);
Pau-de-arara (Luiz Gonzaga e Guio de Morais);
Acauã (Zé Dantas);
Adeus Pernambuco (Manezinho Araújo e Hervê Clodovil);
Baião na garoa (Luiz Gonzaga e Hervê Clodovil);
Piauí (Sílvio Moacir de Araújo);
Marabaixo (Julião Tomás Ramos);
Jardim da saudade (Lupicínio Rodrigues e Alcides Gonçalves);
Xaxado (Luiz Gonzaga e Hervê Clodovil);
Vamos xaxear (Geraldo Nascimento e Luiz Gonzaga);
Beata Mocinha (Manezinho Araújo e Zé Renato);
O balaio de Veremundo (Luiz Gonzaga e Zé Dantas);
Pronde tu vai Luiz? (Luiz Gonzaga e Zé Dantas);
Januário vai tocar (Januário José dos Santos).

1953

Moreninha tentação (Sílvio Moacir de Araújo e Luiz Gonzaga);
Saudade de Pernambuco (Sebastião Rosendo e Salvador Miceli);
O xote das meninas (Luiz Gonzaga e Zé Dantas);
Treze de dezembro (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
São João chegou (Marisa P. Coelho e Luiz Gonzaga);
O casamento de Rosa (Luiz Gonzaga e Zé Dantas);
A letra i (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Algodão (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
ABC do sertão (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Vozes da seca (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Paraxaxá (Luiz Gonzaga e Sílvio Moacir de Araújo);
A vida do viajante (Luiz Gonzaga e Hervê Clodovil).

1954

Feira de Gado (Luiz Gonzaga e Zé Dantas);
Velho Novo-Exu (Luiz Gonzaga e Sílvio Moacir de Araújo);
Olha a pisada (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Vô casá já (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Noites brasileiras (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Lascando o cano (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Cana, só de Pernambuco (Luiz Gonzaga e Vitor Simon);
Relógio baião (Sérgio Falcão e José Roi);
A canção do carteiro (Mauro Pires e Mércia Garcia);
Cartão de Natal (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Velho pescador (Luiz Gonzaga e Hervê Clodovil);
Minha fulô (Luiz Gonzaga e Zé Dantas).

1955

Baião granfino (Marcos Valentim);
Só vale quem tem (Luiz Gonzaga e Zé Dantas);
Paulo Afonso (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Padroeira do Brasil (Luiz Gonzaga e Raimundo Grangeiro);
Café (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Cabra da peste (Luiz Gonzaga e Zé Dantas);
Baião dos namorados (Sílvio Moacir de Araújo);
Ai amor (Luiz' Gonzaga e Zé Dantas);
Forró do Zé Tatu (Zé Ramos e Jorge de Castro);
Riacho do Navio (Zé Dantas e Luiz Gonzaga).

1956

Buraco de tatu (Jair Silva e Jadir Ambrósio);
Açucena cheirosa (Rômulo Pais e Celso Garcia);
Mané e Zabé (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Lenda de São João (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
O cheiro da Carolina (Zé Gonzaga e Amorim Roxo);
Aboio apaixonado (Luiz Gonzaga);
Derramaro o gai (Luiz Gonzaga e Zé Dantas);
Vassouras (Luiz Gonzaga e Davi Nasser);
Tacacá (Luiz Gonzaga e Lourival Passos);
Chorão (Luiz Gonzaga);
Praia dengosa (Luiz Gonzaga e Zé Dantas);
Tesouro e meio (Luiz Gonzaga);
Siri jogando bola (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Saudade da Boa Terra (Maruim e Ari Monteiro).

1957

A Feira de Caruaru (Onildo Almeida);
Capital do Agreste (Onildo Almeida e Nelson Barbalho);
O passo da rancheira (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
São João antigo (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Quarqué dia (Jairo Argileu e Heron Domingues);
Malhada dos bois (Luiz Gonzaga e Amâncio Cardoso);
São João no arraiá (Zé Dantas);
Testamento de caboclo (Renê Bittencourt e Raul Sampaio);
Dias dos Pais (Luiz Gonzaga e Chico Anísio);
Estrela de ouro (Antônio Barroso e José Batista);
Linda brejeira (Rui Morais e Silva Joaquim Lima);
Meu Pajeú (Luiz Gonzaga e Raimundo Grangeiro);
O delegado no côco (Zé Dantas);
Comício no mato (Joaquim Augusto e Nelson Barbalho);
Sertão sofredor (Joaquim Augusto e Nelson Barbalho);
Gibão de couro (Luiz Gonzaga);
Moça de feira (Armando Nunes e Jeová Portela);
Xote das moças (Nelson Barbalho e Joaquim Augusto);
Forró no escuro (Luiz Gonzaga).

1958

Festa no céu (Zeca do Pandeiro e Edgar Nunes);
Que modelo são os seus (Luiz Gonzaga);
Balance eu (Luiz Gonzaga e Nestor de Holanda);
Dezessete e setecentos (Luiz Gonzaga e Miguel Lima);
Chamego (Luiz Gonzaga e Miguel Lima);
O torrado da Lili (Helena Gonzaga e Miguel Lima);
Bamboleando (Luiz Gonzaga e Miguel Lima);
Três e trezentos (Miguel Lima e Gerson Filho);
Chorei, chorão (Luiz Gonzaga e Lourival Passos).

1959

Xote do véio (Nestor de Holanda e Joaquim Augusto);
Sertanejo do norte (João Vale e Ari Monteiro).

1960

Meu padrim (F. Marcelino);
Casamento atrapaiado (Walter Levita e Renato Araújo);
Marcha da Petrobrás (Nelson Barbalho e Joaquim Augusto);
Amor da minha vida (Raul Sampaio e Benil Santos).

1961

Capitão jagunço (Paulo Dantas e Barbosa Lemos);
Baldrama macia (Arlindo Pinto e Anacleto Rosas);
Creusa morena (Lourival Passos e Luiz Gonzaga);
Dedo mindinho (Luiz Gonzaga);
Amor que não chora (Erasmo Silva);
O tocador quer beber (Carlos Diniz e Luiz Gonzaga);
Na cabana do rei (Catulo de Paula e Jaime Florense);
Aroeira (Barbosa Lessa);
Rosinha (Nelson Barbalho e Joaquim Augusto);
Corridinho Canindé (Luiz Gonzaga e Lourival Passos);
Só se rindo (Alvarenga e Ranchinho);
Alvorada da paz (Luiz Gonzaga e Lourival Passos).

1962

Vida de vaqueiro (Luiz Gonzaga);
Maceió (Lourival Passos);
Fogueira de São João (Luiz Gonzaga e Carmelina);
Ô véio macho (Rosil Cavalcanti);
Balance a rede (Zé Dantas);
Sanfoneiro Zé Tatu (Onildo Almeida);
De Teresina a São Luiz (João Vale e Helena Gonzaga);
Forró do Zé Antão (Zé Dantas);
Sertão de aço (José Marcolino e Luiz Gonzaga);
Serrote agudo (José Marcolino e Luiz Gonzaga);
No Piancó (José Marcolino e Luiz Gonzaga);
Pássaro carão (José Marcolino e Luiz Gonzaga);
Matuto aperriado (José Marcolino e Luiz Gonzaga);
A dança do Nicodemos (Luiz Gonzaga e José Marcolino).

1963

Pedido a São João (José Marcolino);
A festa do milho (Rosil Cavalcanti);
A morte do vaqueiro (Luiz Gonzaga e Nelson Barbalho);
Desse jeito sim (José Jatai e Luiz Gonzaga);
Liforme instravagante (Raimundo Granjeiro);
Pra onde tu vai baião? (João Vale e Sebastião Rodrigues);
Pisa no pilão (Zé Dantas); Amigo velho (Rosil Cavalcanti);
Eu vou pro Crato (Luiz Gonzaga e José Jatai);
Caboclo nordestino (José Marcolino);
Casamento improvisado (Rui de Morais e Silva);
Faz força Zé (Rosil Cavalcanti); Xô pavão (Zé Dantas);
A profecia (Zé Dantas);
Homenagem a Zé Dantas (Antônio Barros);
Zé Dantas (Onildo Almeida).

1964

Sanfona do povo (Luiz Guimarães e Helena Gonzaga);
Aquilo sim que era vida (Luiz Gonzaga e Jeová Portela);
O baião vai (Elias Soares e Sebastião Rodrigues);
Fogo do Paraná (João Vale e Helena Gonzaga);
Não foi surpresa (João Vale e João Silva);
Documento de matuto (Paulo Patrício);
Rainha do mundo (Jtilio Ricardo e Ari Monteiro);
Nordeste sangrento (Elias Soares);
Padre sertanejo (Pantaleão e Helena Gonzaga);
Nega Zefa (Severino Ramos e Noel Silva);
A carta (Isa Franco);
Fole gemedor (Luiz Gonzaga);
A triste partida (Patativa do Assaré);
Toque de rancho (Luiz Gonzaga e Jota Ferreira);
Cacimba Nova (José Marcolino);
Ave-Maria sertaneja (Julio Ricardo e O. de Oliveira);
Marimbondo (Luiz Gonzaga e José Marcolino);
Viva o Arigó (Geraldo Nunes);
Numa sala de reboco (José Marcolino e Luiz Gonzaga);
Cocotá (Luiz Guimarães e Helena Gonzaga);
Cantiga do vem-vem (José Marcolino e Pantaleão);
Forró do Zé do Baile (Severino Ramos);
Lembrança de primavera (Gonzaguinha).

1965

Fim de festa (Zito Borborema);
Polca fogueteira (Luiz Gonzaga);
Fogo sem fuzil (Luiz Gonzaga e José Marcolino);
Quero chá (Luiz Gonzaga e José Marcolino);
Boi-bumbá (Luiz Gonzaga e Gonzaguinha);
O maior tocador (Luiz Guirnarães);
Piriri (João Silva e Albuquerque);
Matuto de opinião (Luiz Gonzaga e Gonzaguinha).

1967

Xote dos cabeludos (José Clementino e Luiz Gonzaga);
Óia eu aqui de novo (Antônio Barros);
Hora do adeus (Onildo Almeida e Luis Queiroga);
Crepúsculo sertanejo (João Silva e Rangel);
Tu qué mingabelá (Luiz Gonzaga);
Xeêm (José Clementino e Luiz Gonzaga);
Contrastes de Várzea Alegre (José Clementino e Luiz Gonzaga);
Garota Todeschini (João Silva e Luiz Gonzaga);
Do lado qui relampêa (Luis Gulmarães);
Forró de Pedro Chaves (Luiz Gonzaga);
A sorte é cega (Luiz Guimarães); Ou casa ou morre (Elias Soares).

1968

Madruceu o milho (Sebastião Rodrigues e João Silva);
Vitória de Santo Antão (Elias Soares e Pilombeta);
Mazurca (Luiz Gonzaga e Raimundo Grangeiro);
A cheia de 24 (Severino Ramos);
De Juazeiro a Crato (Luiz Gonzaga e Julinho);
O andarilho (Dalton Vogeler e Orlando Silveira);
Lenha verde (João Silva e Luiz Gonzaga);
Côco xeêm (Severino Ramos e Jaci Santos);
Manduquinha (Luis Guimarães);
Meu Araripe (João Silva e Luiz Gonzaga);
Rosa do Mearim (Luiz Guimarães);
Anita do Cipó (Jaci Santos e Severino Ramos);
Canaã (Humberto Teixeira);
Pobreza por pobreza (Gonzaguinha);
Valha Deus, senhor São Bento (Antônio Almeida);
Festa (Gonzaguinha);
Nordeste pra frente (Luiz Gonzaga e Luis Queiroga);
Erva rasteira (Gonzaguinha);
O jumento é nosso irmão (Luiz Gonzaga e José Clementino);
Baião Polinário (Humberto Teixeira);
Saudades de Helena (Antônio Barros);
Diz que vai virar (Gonzaguinha);
Canto sem protesto (Luiz Gonzaga e Luis Queiroga);
Tique-taque, tique-taque (Antônio Almeida);
Chico Valente (Rildo Hora);
Viva o Rei (Zé Gonzaga e José Amâncio);
Louvação a Joao XXIII (Nertan Macedo e monsenhor Morão);
Bença mãe (Bob Nelson);
Prá não dizer que não falei de flores (Geraldo Vandré).

1970

Garimpeiro sonhador (Mário Rossi e Chico Xavier);
Já vou, mãe (Dominguinhos e Anastácia);
Cantei (Hugo Costa);
A noite é de São João (Antônio Barros);
Xote do saiote (Onildo Almeida);
O festão (Rildo Hora);
Sertão setenta (José Clementino);
Motivação nordestina (César Rousseau e Carlos Cardoso);
Frescobol (Rildo Hora e Helena Gonzaga);
Boca-de-forno (Tâ nia);
Raparam tudo (Severino Ramos);
Santo Antônio nunca casou (Luiz Gonzaga e João Silva).

1971

O coreto da pracinha (Altamiro CarriIho e Ribeiro Valente);
Ovo de codorna (Severino Ramos);
Dia de São João (Rildo Hora);
Coronel Pedro do Norte (Nelson Valença);
Lulu Vaqueiro (Nelson Valença);
O urubu é um triste (Nelson Valença);
Chuculatera (Antônio Carlos e Jocafi);
Procissão (Gilberto Gil);
Morena (Gonzaguinha);
Cirandeiro (Capinam e Edu Lobo);
Caminho de Pedra (Tom Jobim e Vinicius de Morais);
Vida ruim (Catulo de Paula);
O milagre (Nonato Buzar);
No dia que eu vim mimbora (Caetano Veloso e Gilberto Gil);
Fica mal com Deus (Geraldo Vandré);
O cantador (Dori Caymmi e Nelson Mota);
Bicho, eu vou voltar (Humberto Teixeira).

1972

Aquilo bom (Luiz Gonzaga e Severino Ramos);
Bandeira 2 (Fred Falcão e Arnoldo Medeiros);
Pra frente Goiás (Prof. Zefirino);
Se não fosse este rneu fole (Luiz Gonzaga e Severino Ramos);
Vaqueiro véio (João Silva e J. B. de Aquino);
Meu pequeno Cachoeiro (Raul Sampaio);
From United States of Piauí (Gonzaguinha);
Forró do Ze Buchudo (Severino Ramos e Helena Gonzaga);
Meu Chevrolet (Roberto Martins);
Ana Rosa (Humberto Teixeira);
Corrida de mourão (Pedro Bandeira);
3X4 Marilu (Humberto Teixeira e Maria Terezinha).

1973

A Nova Jerusalém (Janduhi Finizola);
Baião de São Sebastião (Humberto Teixeira);
Cantarino (Luiz Gonzaga e Nelson Valença);
Cidadão de Caruaru (Janduhi Finizola e Onildo Almeida);
Facilita (Luis Ramalho);
Fogo-pagou (Rivaldo Serrano de Andrade);
Indiferente (Luiz Gonzaga e Severino Ramos);
Juvina (Luiz Gonzaga e Nelson Valença);
Só xote (Onildo Almeida);
O bom improvisador (Luiz Gonzaga e Nelson Valença);
Samarica parteira (Zé Dantas e Luiz Gonzaga);
Mulher de hoje (Luiz Gonzaga e Nelson Valença);
O fole roncou (Nelson Valença e Luiz Gonzaga).

1974

A mulher do meu patrão (Nelson Valença);
Cavalo crioulo (Luiz Gonzaga e Janduhi Finizola);
Bom?... pra uns... (Juarez Santiago e Onildo Almeida);
Choromingô (Luiz Gonzaga);
Daquele jeito (Luiz Gonzaga e Luis Ramalho);
É sem querer (Luiz Gonzaga e Onildo Almeida);
Fole danado (Nelson Valença);
Frei Damião (Janduhi Finizola);
O vovô do baião (Severino Ramos e João Silva);
Retrato de urn forró (Luiz Gonzaga e Luis Ramalho);
Sangue de nordestino (Luiz Gonzaga);
Teitei no arraiá. (Onildo Almeida).

1976

Capim novo (Luiz Gonzaga e José Clementino);
Carapeba (Luis Bandeira e Julinho);
Sanfona sentida (Dominguinhos e Anastácia);
Mané Gambá (Luiz Gonzaga e Jorge de Altinho);
Saudade dói (Humberto Teixeira);
Bandinha de fé (Hildelito Parente);
Fulô da maravilha (Luis Bandeira);
Quero ver (D. Matias);
São João nas capitá (Luiz Gonzaga e Luis Ramalho).

1977

Chá cutuba (Humberto Teixeira);
Baião de dois (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira);
Onde tá tu neném (Luis Bandeira);
Jesus sertanejo (Janduhi Finizola);
A morte do meu avô (Nelson Valença);
Chapéu de couro e gratidão (Luiz Gonzaga e Aguinaldo Batista);
Menestrel do sol (Nelson Valença);
Forró fungado (Dominguinhos e Anastácia);
São Francisco do Canindé (Julinho e Luis Bandeira);
Cabocleando (Eduardo Casado);
Não é só a Paraíba que tern Zé (Luiz Gonzaga);
Tambaú (Severino Ramos e Silvino Lopes);
Karolina com K (Luiz Gonzaga).

1978

Alegria de pé de serra (Dominguinhos e Anastácia);
Engenho Massangana (Capiba);
Serena no mar (Sivuca e Glorinha Gadelha);
Salmo dos aflitos (Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira);
Umbuzeiro da saudade (Luiz Gonzaga e João Silva);
Viola de Penedo (Luis Bandeira);
Nunca mais eu vi esperança (Sivuca e Glorinha Gadelha);
Onde o Nordeste garôa (Onildo Almeida);
Dengo maior (Humberto Teixeira e Julinho);
Quiriquiqui (Luiz Gonzaga e Audizio Brizeno);
Pai-nosso (Janduhi Finizola).

1979

Orélia (Humberto Teixeira);
O mangangá (Luis Ramalho);
Súplica cearense (Gordurinha e Nelinho);
Acordo às quatro (Marcondes Costa);
Romance matuto (Luis Bandeira);
Sorriso cativante (Dominguinhos e Anastácia);
Manoelito cidadão (Luiz Gonzaga e Helena Gonzaga);
Sou do banco (Hildelito Parente e JoséClementino);
O caçador (Janduhi Finizola);
Rio Brígida (Luiz Gonzaga e Gonzaguinha);
Alvorada nordestina (Orlando Silveira e Dalton Vogeler);
Adeus a Januário (João Silva e Pedro Maranguape)

1980

Obrigado João Paulo (Luiz Gonzaga e padre Gotardo Lemos);
Mamulengo (Luis Bandeira);
O homem da terra (Walter Santos e Teresinha Sousa);
La vai pitomba (Luiz Gonzaga e Onildo Almeida);
O mote "Maquinista e Sacristão" (Luis Bandeira);
Cananá (Venâncio e Aparício Nascimento);
O adeus da asa-branca (Dalton Vogeler);
Cego Aderaldo (João Silva e Pedro Maranguape);
Tropeiros de Borborema (Rosil Cavalcanti).

1981

Luar do sertão (Catulo da Paixão Cearense);
Lampião falou (Venâncio e Aparício Nascimento);
Depois da derradeira (Dominguinhos e Fausto Nilo);
A ligeira (Guio de Morais e Haroldo Barbosa);
Ranchinho da praia (Francisco Elion);
Não vendo nem troco (Luiz Gonzaga e Gonzaguinha);
Portador do amor (Luis Bandeira e Julinho);
O resto a gente ajeita (Luiz Gonzaga e Dalton Vogeler);
Os bacamarteiros (Luiz Gonzaga e Janduhi Finizola);
Pesqueira centenária (Nelson Valença).

1982

Prece por Novo-Exu (Luiz Gonzaga e Gonzaguinha);
Farinhada (Zé Dantas);
Dança do capilé (Rildo Hora e Humberto Teixeira);
Maria Cangaceira (Teo Azevedo);
Tristezas do Jeca (Angelino Oliveira);
Alma do sertão (Renato Murce);
Eterno cantador (Alemão e Elzo Augusto);
Frutos da terra (Jurandir da Feira);
Razão do meu querer (Julinho e Anastácia);
Acácia amarela (Luiz Gonzaga e Orlando Silveira).

1983

Sequei os olhos (Luiz Gonzaga e João Silva);
Casa de caboclo (Hekel Tavares e Luis Peixoto);
Piano piloto (Carlos Fernando e Alceu Valença);
Canto do povo (Jurandir da Feira);
Cidadão sertanejo (Luiz Gonzaga e João Silva);
A peleja do Gonzagão x Teo Azevedo (Teo Azevedo);
O Papa e o jegue (Luiz Gonzaga e Otacílio Batista);
Lampião (Luiz Gonzaga e Solange Veras);
Saudade do velho (Orlando Silveira e Beatriz Dutra);
Projeto Asa-branca (Luiz Gonzaga e José Marcolino);
Xengo (Rildo Hora e Humberto Teixeira);
Tamborete de forró (Artúlio Reis);
Forró de Ouricuri (Luiz Gonzaga e João Silva).

1984

Pagode russo (Luiz Gonzaga e João Silva);
Danado de bom (Luiz Gonzaga e João Silva);
Pense n'eu (Gonzaguinha);
Nessa estrada da vida (Valdi Geraldo e Aparecido José);
Regresso do Rei (Luiz Gonzaga e Onildo Almeida);
Sanfoninha choradeira (Luiz Gonzaga e João Silva);
São João sem futrica (João Silva e Zé Mocó);
Aproveita gente (Onildo Almeida);
Lula, meu filho (Luiz Gonzaga e Aguinaldo Batista);
Terra, vida e esperança (Jurandir da Feira).

1985

Deixa a tanga voar (Luiz Gonzaga e João Silva);
Forró número1 (Cecéu);
A puxada (Luiz Gonzaga e João Silva);
Maria Baiana (João Silva e Zé Mocó);
Sanfoneiro macho (Luiz Gonzaga e Onildo Almeida);
Flor do lírio (Luiz Gonzaga e João Silva);
Eu e minha branca (Gonzaguinha e Gonzagão);
Forró do bom (Luiz Gonzaga e João Silva);
Morena bela (Luiz Gonzaga e João Silva);
Tá bom demais (Onildo Almeida e Luiz Gonzaga);
A muiher do sanfoneiro (Luiz Gonzaga e João Silva);
Amei à toa (João Silva e Joquinha Gonzaga).

1986

Forró de cabo a rabo (Luiz Gonzaga e João Silva);
Forró da miadeira (Antônio Barros);
Passo fome, mas não deixo (João Silva e Zé Mocó);
Boca de Caieira (Zé Marcolino e Zé Mocó);
Rodovia Asa Branca (Luiz Gonzaga e João Silva);
Xote machucador (Dominguinhos e João Silva);
Viva meu Padim (Luiz Gonzaga e João Silva);
Engabelando (Cecéu e Bella Maria);
Forronerão (Renato Borghetti);
Queimando lenha (Onildo Almeida);
Quadrilha chorona (Luiz Gonzaga e Maranguape);
Eu e meu fole (Zé Marcolino).

1987

DE FIÁ PAVI
1- De fiá pavi ( João Silva/Oseinha)
2- Zé budega(Cecéu)
3- Nem se despediu de mim (Luiz Gonzaga/J.Silva
4- De olho no candeeiro (J.Silva/L.Gonzaga)
5- Quero ver correr moleque (Luiz Guimarães)
6- Forró no interior (J.Silva/Oseinha)
7- Eu me enrabicho (J.Silva/Pollyana)
8- Doutor do baião ( L.Gonzaga/J.Silva)
9-Forró do Zé Antão ( Zé Dantas )
10- Festa de Santo Antonio (Alcymar Monteiro/João Paulo Jr.)
11- Mariana c/Gonzaguinha (Gonzaguinha/Gonzagão)
12-Tóca pai (L.Gonzaga/J.Silva)
13- Pobre do sanfoneiro (L.Gonzaga/João Silva)

1988

AÍ TEM -
1- Bom prá eu (Jorge de Altinho)
2- Aí tem (João Silva/Zé Mocó)
3- Tá qui prá tu c/Geraldo Azevedo ( J.Silva/L.Gonzaga)
4- No canto do salão (Nando Cordel)
5- Prá que mais mulher (João Silva/L.Gonzaga)
6- Moela e coração (Cecéu/Zé Mocó)
7- Fruta madura (João Silva/L.Gonzaga)
8- Outro amanhã será (L.Gonzaga/João Silva)
9- Vamos ajuntar os troços c/Carmélia Alves (Antonio Barros)
10- Forró Gostoso (J.Silva/L.Gonzaga)
11- Cajueiro Velho (Cecéu)
12- Recado doVelho (L.Gonzaga/J.Silva)
13- Dá licença prá mais um c/Joquinha Gonzaga ( J.Silva/Raimundo Evangelista)

1989

Vou te matar de cheiro (Luiz Gonzaga e João Silva);
Uma pra mim, uma pra tu (Luiz Gonzaga e João Silva);
Vê se ligas para mim (João Silva e Luiz Gonzaga);
Arcoverde meu (João Silva e Luiz Gonzaga);
Coração molim (Cecéu);
Baião agrário (Cecéu e Maranguape);
Xote ecológico (Aguinaldo Batista e Luiz Gonzaga);
Ladrão de bode (Rui Morais e Silva);
Pedaço de Alagoas (Edu Maia);
Na lagoa do amor (Cecéu);
Já era tempo (luiz Gonzaga e João Silva);
Faça isso não (João Silva e Geraldo Nunes).

FORROBODÓ CIGANO :: INSTRUMENTAL:
1- Forrobodó Cigano (L.Gonzaga)
2- Ói o frevo (J.Silva/L.Gonzaga)
3- Arrasta o Frevo (J.Silva/L.Gonzaga)
4- Depois da festa ( L.Gonzaga/J.Silva)
5- Xaxá mulher (L.Gonzaga/J.Silva)
6- Do jeito que vocês gostam (Luiz Gonzaga/J.Silva)
7- Ao mestre Capiba ( L.Gonzaga/J.Silva)
8- Forró Apracatado (J.Silva/L.Gonzaga)
9- Festa na roça (Mário Zan/Palmeira
10- Meus 18 anos (J.Silva/L.Gonzaga)
11- Tá ruço ( L.Gonzaga/J.Silva)
12- Manhã de junho (L.Gonzaga/J.Silva)
13- Baile na Roça(Tinoco/Nadir)

LUIZ GONZAGA E SUA SANFONA :: VOL. 2
1- Tarantelando;
2- Galope manso;
3- Sol de Olinda;
4- Só xaxando;
5- Budegando;
6- Apanhadora de algodão;
7- Poraneu - dança dos imperiais ( D.P. adaptação Zé Pipa);
8- Freviando;
9- Prá poeira;
10- Forró atarrancado;
11- Forró no Jaqueirão;
12- Xote rodado;
13- Bia no frevo (D.P. adaptação Zé Pipa);
14- Forró do joquinha ( L.Gonzaga/Joquinha Gonzaga)

As demais músicas, de Luiz Gonzaga e João Silva.
AQUARELA NORDESTINA ::
1- A rede véia ( Luiz Queiroga/Coronel Ludugero);
2- Vamos chegando prá lá (J.Silva/Luiz Gonzaga);
3- Menino de Braçanã (Luiz Vieira/Arnaldo Passos);
4- Os Olhinhos do menino ( Luiz Vieira);
5- Aproveita xará (J.Silva/Maranguape);
6- Aqurela Nordestina ( Rosil Cavalcante);
7- Quero uma mulher (L.Gonzaga/J.Silva);
8- Me afubelo (J.Silva/Zé Mocó);
9- Cidadão ( Lúcio Barbosa);
10- Canto do Sabiá ( Zé Alves Jr/Antonio D. Rabelo);
11- Prá não morrer de tristeza (J.Silva/K.Boclinho);
12- Bia no frevo (D.P. adaptação Zé Pipa).
ESSE FOI O ÚLTIMO LP DE LUIZ GONZAGA.


BUSCA NO SITE




 

 
Família de retirantes nordestinos
Logomarca Gonzagão Online
Gonzagão Online. Desde 2001
Website Não Oficial de Luiz Gonzaga
 
MAPA DO SITE
História
Discografia
Parceiros
Seguidores
Multimídia
Feirinha
Contato
GONZAGÃO ONLINE
Quem somos
Premios e Indicações
Seja um parceiro
Anuncie no site
Divulgue sua banda gratuitamente
Divulgue seu evento gratuitamente
Links